Menina de 5 meses vive no Hospital de Bragança desde o parto

Menina de 5 meses vive no Hospital de Bragança desde o parto

Uma menina de 5 meses está a viver no serviço de Pediatria e Neonatologia do Hospital de Bragança desde que nasceu, a 27 de junho.

A criança foi retirada à família, que não tem condições para cuidar dela, e mantida no Hospital de Bragança até ser arranjada outra solução.

“Seria desejável que a menina fosse institucionalizada, uma vez que a família não pode cuidar dela, até porque lá poderia conviver com os irmãos e com outras crianças, bem como habituar-se a uma rotina com as funcionárias. Seria benéfico para a sua socialização”, explicou fonte ao jornal Mensageiro de Bragança.

A Unidade Local de Saúde do Nordeste explica que “o internamento em instituições hospitalares do Serviço Nacional de Saúde pode ocorrer por motivos clínicos, mas também por motivos sociais”.

Leia Também: Capela no cemitério de Penafiel vandalizada por ladrões

“Sempre que esteja em causa a proteção de uma criança e havendo confronto de interesses constitucionalmente protegidos, deverá prevalecer o supremo interesse da criança, sendo que a decisão nesse sentido é da responsabilidade dos órgãos competentes, no decurso de um Processo de Promoção e Proteção, de natureza sigilosa e de caráter reservado”, acrescenta.

You may also like...