Mulher de 25 anos tinha dores de cabeça constantes

Neurocisticercose é uma condição rara, em que larvas começam a surgir no crânio de uma pessoa. A mulher de 25 anos, australiana, tornou-se no primeiro caso desta doença na Austrália, ela queixava-se de dores de cabeça constantes e acabou por descobrir que tinha larvas de ténias no cérebro.

O caso foi alvo de investigação, em que se explicou que as dores de cabeça provinham das larvas que se haviam alojada no cérebro da doente. É o primeiro caso de uma australiana a ter a doença.

 

Nos últimos 7 anos, a mulher andou com dores de cabeça, que eram aliviadas com recurso a medicação para enxaquecas… ocorriam duas a três vezes por mês. Mas a última foi mais dolorosa e continua, tendo provocado dificuldades de visão.

Fez uma ressonância magnética ao crânio, primeiro pensavam que era um tumor, mas depois da cirurgia descobriram um quisto cheio de larvas.

A neurocisticercose, sublinhe-se, é uma infeção do sistema nervoso central provocada pelas larvas de ténia e que pode desenvolver-se ao consumir carne de porco crua ou ao ingerir alimentos contaminados. É mais comum em África, na Ásia ou na América Latina.

 

You may also like...