Pais morrem com apenas um mês de diferença e deixam dois filhos pequeninos

Casal morre com um mês de diferença e deixa dois filhos com 6 e 8 anos

Dois meninos, de 6 e 8 anos, ficaram órfãos após os seus pais morrerem repentinamente, no espaço de um mês.

O caso não deixa ninguém indiferente. Tudo começou com a morte de Chris Mills, que sofreu a rutura de uma úlcera no estômago e acabou por falecer, numa altura em que nada fazia prever a sua morte.

A esposa de Chris, Amie Walton, que lutava contra uma doença terminal, acabou por morrer cerca de um mês depois, ao fim de uma longa luta contra a doença.

O casal deixou dois filhos órfãos, com 6 e 8 anos. Os amigos do casal ficaram sensibilizados com a situação e lançaram uma campanha de recolha de fundos para tentar oferecer o melhor futuro às crianças.

Leia Também: Célebre forcado de Coruche morre em acidente de viação

Muita gente contribuiu para esta causa e, até agora, conseguiram angariar 43500 euros, que serão depositados numa conta para ajudar a financiar os estudos dos menores.

Ainda não foi revelado onde estão a viver as crianças, mas antes da morte do casal, os meninos viviam com os pais na casa do avô materno, em Birmingham, no Reino Unido.

You may also like...