IPO de Lisboa proíbe fumar no exterior do hospital

IPO de Lisboa proíbe fumar no exterior do hospital

Agora, todas as pessoas são obrigadas a deixar o cigarro à porta do Instituto Português de Oncologia de Lisboa, quer sejam doentes, visitantes, familiares ou mesmo profissionais de saúde. Este ação abrange os cigarros eletrónicos, os cigarros tradicionais e os novos produtos de tabaco sem combustão.

Para o Correio da Manhã, o presidente do Sindicato Independente dos Técnicos Auxiliares de Saúde afirmou “Em apenas dois dias recebemos cerca de 10 denúncias dos profissionais de saúde contra esta nova lei… tal proibição não encontra qualquer fundamento legal”.

Segundo a lei portuguesa “é proibido fumar (…) nos estabelecimentos onde sejam prestados cuidados de saúde… é admitido fumar nas áreas ao ar livre”. A ideia do IPO de Lisboa é promover um ambiente livre de tabaco em todo o perímetro. Grande iniciativa 🙂

Deixe um comentário